MURAL

Por Gustavo Brado

O mar sempre foi um lugar de #mitos.
O elemento perfeito para justificar o medo do #desconhecido, sempre desprovido
de #razão. Mas, surpreendentemente, é nas suas águas frias que os mais audazes encontram a #chama a que chamam “sonho”.
O #sonho de uma vida melhor. O sonho
de melhores dias. Os mesmos sonhos que se perdem sob o peso do #sal, em cada ruga de uma pele que vai ficando engelhada pelo #tempo. Pelo #receio. Pela #vida. Pelas redes vazias que se emaranham na espuma das #emoções, umas a seguir às outras.
Ainda assim, os #audazes continuam. Fazendo valer o nome que lhes pertence, longe da terra, dos seus e daquilo que dizem ser seu. Tudo, por um sonho.
É assim e sempre o foi. Até muito antes da #Passarola que o #Saramago nos trouxe numa onda – aquela que ainda reflete os sonhos daquilo que todos os dias almejamos ser.
De olhos voltados para o hoje, para o aqui
e o agora, sem descurar os sonhos que ainda temos, urge perguntar: de que mais precisamos para conseguir criar uma Passarola gandaresa? Que sonhos terá?
Até onde conseguirá voar? Quão grande terá de ser para abarcar tudo o que nos compõe?
Na nossa terra, o #SãoJoão está perto
de amainar tais #dúvidas. Juntando-nos, junta os audazes que temos em nós. #Erguendo balões em chama, eleva os nossos sonhos
e consome as nossas dores. E, depois, sabemos bem o que se segue: chega
a #sardinhadomar, que é mais do que alimento para a festa. A sardinha que simboliza a vitória do sonho sobre o medo.
A sardinha que é o #troféu mais audaz daqueles que ousam. Enquanto os seus medos morrem na #areia. Porque a #festa, essa, tem de continuar. #Sempre.


Notice: Undefined offset: 0 in /home/catraia/public_html/wp-content/themes/ohio/parts/elements/nav_posts.php on line 7

Notice: Trying to get property 'ID' of non-object in /home/catraia/public_html/wp-content/themes/ohio/parts/elements/nav_posts.php on line 7
Utilizamos cookies para uma melhor experiência.